Carregando a informação...

Publicidade
Publicidade

Com o aumento de compras pela internet, se tornar um entregador de lojas online vem sendo uma opção de ganho. E uma das alternativas é ser fazer entregas para a Amazon. Preparados um guia para você começar a trabalhar com os pré-requisitos para ser um entregador, passo a passo para se cadastrar e muito mais.

Como funciona o sistema de entregas da Amazon?

O serviço de entrega da Amazon é feito por entregadores ou empresas parceiras. As entregas são realizadas pelos entregadores por meio de carros, motos e até mesmo bicicletas.

Além disso, as entregas são realizadas 7 dias por semana, das 7h e 22h – incluindo feriados.

Publicidade
Publicidade

Quais os pré-requisitos para ser um entregador?

Para ser um entregador da Amazon no Brasil é preciso cumprir alguns pré-requisitos. Confira a seguir os principais deles, de acordo com a própria Amazon:

  • Veículo: os entregadores da Amazon necessitam possuir um veículo (de preferência próprio). Neste caso, pode ser um carro, uma motocicleta e até uma bicicleta (no caso da entregas de alguns produtos)
  • CNH válida e regularizada: para entregadores que utilizam carro ou moto para fazer as entregas da Amazon, é fundamental ter CNH válida e dentro do período de validade. Já para entregas por bicicletas é preciso enviar o registro de ciclista entregador.
  • Ter um aparelho de telefone celular do tipo smartphone: a Amazon trabalha com os entregadores por meio de seu aplicativo, a fim de gerenciar as entregas. Portanto, o entregador deve ter um smartphone que comporte o app da Amazon.
  • Conta bancária: o pagamento das entregas da Amazon para os entregadores é realizado por meio de uma conta bancária. Assim, é fundamental que o entregador tenha uma conta em seu nome.
  • Documentos pessoais: como é de costume, o entregador deve apresentar seus documentos pessoais. No caso: RG, CPF e comprovante de residência.
  • CNPJ: não é obrigatório, mas tendo um CNPJ (que pode ser de MEI), o cadastro é aprovado com mais facilidade.

Passo a passo para se cadastrar como entregador

Para facilitar o começo da sua jornada como entregador da Amazon, criamos um passo a passo para se cadastrar. Confira a seguir:

  1. Entre na página de logística da Amazon
  2. No link, você deverá iniciar a sua inscrição. Para iniciar o processo de ser entregador parceiro da Amazon é preciso que você crie uma conta (no mesmo link) – caso ainda não tenha. Para criar o login e a senha, vá na opção “Criar uma Conta”.
  3. Depois de criar a conta, você receberá um e-mail de confirmação. Confirme a sua inscrição.
  4. Em seguida, preencha todos os dados solicitados no cadastro para poder fazer entregas para a Amazon. Por exemplo: nome completo, endereço, CNPJ, CPF, CNH, data de nascimento, dados do veículo a ser usado para realizar as entregas, etc.
  5. Envie a documentação solicitada, como documento de identidade, CNH, documentos do veículo e selfie.
  6. Com o cadastro pronto, basta aguardar a aprovação pela Amazon. Ao ser aprovado, você receberá o “OK” e as instruções para começar a trabalhar como parceiro da Amazon.

Importante: de acordo com a própria Amazon, o retorno sobre a inscrição pode levar de 4 a 8 semanas. Além disso, os candidatos a entregadores parceiros passarão por uma entrevista.

Publicidade

Precisa ser MEI para ser entregador na Amazon?

De acordo com o que já foi mencionado, não é obrigatório ser MEI. No entanto, ter um CNJP (que pode ser pelo sistema MEI) faz com que o candidato a entregador tenha muito mais chances de ter seu cadastro aprovado, certo?

Para ter registro de MEI não é preciso pagar taxas e a abertura é simples e rápida. Basta fazer pelo site do SEBRAE ou em unidades presenciais de atendimento do SEBRAE.

Quanto ganha um entregador da Amazon

Bom, fazer entregas para a Amazon pode valer a pena ou não – de acordo com o que a pessoa espera, precisa e suas possibilidades.

Primeiramente, vale ressaltar que em relação a ganhos, não há uma média de ganhos exata para quem é um entregador da Amazon.

Isso porque os ganhos dependem do tempo disponível do entregador, da quantidade de entregas que ele pode fazer, entre outras variáveis.

De acordo com alguns sites, a média de ganhos em 2022, no Brasil, estava em todo de R$ 1.997 por mês.

Afinal, vale a pena trabalhar fazendo entregas para a Amazon?

Há algumas vantagens e desvantagens que ajudarão quem quer ser entregador da Amazon decidir se vale a pena. Vamos lá:

Vantagens:

  • Horário de trabalho flexível: como um entregador parceiro da Amazon, você pode escolher os horários que deseja trabalhar – o que lhe irá proporcionar mais liberdade para combinar outras atividades.
  • Mais controle sobre seu próprio trabalho: você é seu próprio patrão, certo? Assim, você decide o que é interessante e vantajoso fazer de entregar ou não.
  • Maiores chances de ganho: não tendo horário fixo e salário fixo, caso um entregador da Amazon tenha a possibilidade, ele pode exercer outras atividades remuneradas;
  • Experiência: ser autônomo também lhe confere experiência. Ou seja, mesmo sendo um entregador parceiro, isso confere experiência e expertise na função.
  • Maior pode de decisão: caso o entregador seja bem organizado, ele pode, por exemplo, repousar e descansar em períodos que achar necessário. Nesse caso, isso pode significar mais qualidade de vida.

Desvantagens:

  • Instabilidade financeira: como todo autônomo, você não terá um salário mensal fixo – o que pode causar instabilidade e imprevisibilidade do seu fluxo de caixa.
  • Ausência de benefícios trabalhistas: não há direitos ou benefícios trabalhistas. Por exemplo, férias remuneradas, décimo terceiro salário, seguro-desemprego.
  • Responsabilidade pelas despesas: você será responsável por todas as suas despesas: combustível, manutenção do veículo, equipamentos, impostos e outras.
  • Sem segurança no emprego: você não terá um emprego estável garantido, o que pode dificultar a previsão de renda e o planejamento financeiro.
  • Riscos de segurança: Como motorista de entrega autônomo, você pode enfrentar riscos de segurança, como roubo ou acidentes de trânsito, sem a proteção de um empregador.

Veja também: Seleção de aplicativos para fazer uma renda extra.

Outras formas de trabalhar como entregador

Por fim, além da Amazon, é possível ser entregador de outras plataformas de vendas online. Veja a seguir:

  • Mercado Livre
  • iFood
  • Eu Entrego
  • Uber Direct
  • Cornershop
  • Lalamove
  • Borzo
  • Click Entregas
  • Rappi
  • Loggi
  • Shippify
  • Asap Log
  • Bee Delivery
  • Top Delivery
  • SpeedApp
  • 99 app